Em uma busca constante pela melhoria da qualidade de vida, bem como da qualidade ambiental e de trabalho, a Secretaria de Meio Ambiente, buscou apoio junto ao Estado para a implantação do programa Ambientação também na Prefeitura Municipal de Lagoa Santa.

O Ambientação tem como objetivo promover a sensibilização para a mudança da comportamento  e a internalização de atitudes ambientalmente corretas dos funcionários, proporcionando melhoria contínua do bem estar coletivo. Isto por que, os aspectos ambientais encontrados nas instituições públicas geram impactos negativos ao meio ambiente como consumo de água, energia elétrica, material de escritório e geração de resíduos.

A parceria entre a Secretaria de Meio Ambiente e a Fundação Estadual do Meio Ambiente (FEAM), preocupadas em possibilitar um ambiente de trabalho agradável, e reforçar junto aos seus funcionários a idéia de comprometimento para com suas responsabilidades ambientais, lançou em evento no dia 31/06/2010 a implementação do programa.

O projeto possui como princípio a mudança de comportamento dos funcionários com relação a suas ações diárias de trabalho, feito a partir do monitoramento constante do consumo e dos rejeitos do setor.

Com o desenvolvimento da proposta a instituição irá se enquadrar como modelo de desenvolvimento do projeto em âmbito municipal, visto que, a Cidade Administrativa hoje concentra todas as instituições do Governo Estadual, possuindo uma média de funcionários muito superior a maioria dos municípios mineiros.

O programa tem como linhas gerais de ação de “Consumo Consciente” e “Gestão de Resíduos” promovendo a sensibilização dos funcionários em campanhas, mobilizações interativas e palestras que estão entre as propostas de desenvolver no ambiente profissional, responsabilidades condizentes as de cidadãos conscientes, responsáveis e participativos.

Mas lembre-se, toda essa movimentação só tem sentido, se pudermos contar com a participação dos servidores.

Ações, Planos e Metas do Programa Ambientação 

•    Acompanhamento da Gestão de Resíduos – Coleta Seletiva na instituição
•    Sensibilização e mobilização para a Educação Ambiental – consumo consciente
•    Mensuração dos indicadores
•    Intervenções buscando despertar a reflexão, mudanças de comportamento e práticas de atitude.