Viu foco do mosquito da Dengue?

Um lote vago?

Uma carcaça de veículo? 

Uma lona ou  mesmo a piscina do seu vizinho com criadouro do mosquito?

Então, liga pra gente! 

A Prefeitura lança mais uma ferramenta para que você possa nos ajudar a combater os focos do mosquito  transmissor da Dengue. 

O Disque Dengue, 3688-1310, o seu canal direto com a Secretaria de Saúde para de denúncias de locais com criadouros do mosquito. 

 Ah! Você não precisa se identificar. 

Basta ligar, denunciar  e o  restante, deixa com a  gente!

 

Leia mais...

Começamos a 21ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe que segue até 31 de maio. Em Lagoa Santa, as salas de vacinação estão prontas para receber a população. Aproveite a semana para vacinar com tranquilidade. Confira as salas de vacinação mais próximas de sua residência e não deixe de vacinar.

Dias úteis (segunda a sexta-feira)


UBS Campinho: 8h às 12h e 13h às 15h30
UBS Moradas da Lapinha: 8h às 12h e 13h às 15h30
Policlínica Centro Oeste: 8h às 12h e 13h às 16h30
UBS Palmital: 8h às 12h e 13h às 15h30
UBS Recanto do Poeta: 8h às 12h30
UBS Aeronautas: 8h às 12h (segunda, quarta e sexta-feira)

Lembre-se de levar seu cartão de vacinas e um documento de identidade. Os pacientes com alguma doença precisam apresentar também o relatório médico.

O Dia D, considerado a data mais importante de mobilização nacional, está marcado para 04 de maio, um sábado. Neste dia, as seguintes Unidades Saúde de Lagoa Santa funcionarão de 8h às 17h: Lapinha, Campinho, Palmital, Moradas da Lapinha, Pôr do Sol, Policlínica Centro Oeste, Creche Maria dos Anjos, Aeronautas, Visão, CEMM - Centro de Especialidades Médicas Multiprofissionais e Novo Santos Dumont.

 

Quem deve vacinar?


Crianças de 6 meses a 5 anos, 11 meses e 29 dias, idosos com idade acima de 60 anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, professores e auxiliares de turma da rede pública e privada, povos indígenas, pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional.
Pessoas com doenças crônicas (como o diabetes) e outras condições clínicas especiais também devem receber a vacina. Neste caso, é preciso apresentar uma prescrição médica no posto de saúde.
A escolha do grupo prioritário se deve ao fato de eles serem mais vulneráveis aos efeitos da gripe e sofrerem mais com seus sintomas e consequências.
A vacina contra gripe é segura e salva vidas. Ela é feita de vírus inativo, portanto não provoca a doença.

Importância da vacinação


A vacinação é muito importante já que a gripe é uma infecção aguda causada pelo vírus Influenza, que afeta o sistema respiratório e pode provocar complicações graves, inclusive a morte, se não for tratada a tempo.
Segundo dados da Secretaria de Saúde de Minas Gerais, em 2018 foram notificados 388 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), sendo 19 associados à Influenza. Dos 49 óbitos por SRAG, 1 associado à Influenza.
Já em 2019, o número registrado até o momento é de 373 casos de SRAG, sendo 10 associados com à Influenza. Dos 36 óbitos por SRAG, 1 encontra-se em investigação para associar ou não à Influenza.

Mais informações: (31) 3688-1425.

A Prefeitura promove a 1ª Conferência Municipal de Políticas sobre Drogas que será organizada pela Secretaria Municipal de Saúde com apoio da Rede de Atenção Psicossocial, do Colegiado Municipal de Saúde Mental e da Diretoria Municipal de Desenvolvimento Social, no dia 28, quinta-feira.

Leia mais...

Janeiro é um mês dedicado à saúde mental. Campanhas espalhadas por todo o país abordam o assunto de diversas maneiras. Lagoa Santa escolheu trabalhar a temática “Acolhimento para além do CAPS” no primeiro Seminário de Saúde Mental, que acontece no dia 25 de janeiro, a partir das 8h, no auditório da Escola Municipal Dr. Lund.

O encontro reunirá profissionais e familiares com objetivo de fortalecer a rede de suporte às pessoas em tratamento por algum tipo de sofrimento mental. Buscando o cuidado para além dos equipamentos de saúde por compreender que a pessoa está inserida dentro de uma história, cultura e vida social.

Veja a programação:

Abertura: Secretário de Saúde do Município de Lagoa Santa

9h às 9h40 - Acolhimento na saúde mental: a chegada do paciente - Celso Renato da Silva

9h50 às 1030 - O paciente em crise: como manejar - Bernardo Vieira Goulart de Souza

10h40 às 11h20 - De quem é este paciente? Uma conversa entre instituições. - Juliana Mota Meirelles

11h20 às 12h00 - Perguntas e discussão

13h00 às 13h15 - Dinâmica com educador físico

13h20 às 14h00 - Rompimento de vínculos familiares, sociais e de tratamento : o que temos a ver com isso? Tatiana Goulart

14h às 14h30 - Perguntas e discussão

14h30 às 15h30 - Roda de conversa: Práticas da Saúde Mental no Município

15h30 às 16h00 – Encerramento